Noticias

Problemas fazem universidades adiarem divulgação de aprovados

Justiça determinou suspensão da publicação do resultado do Sisu 2020, prevista para esta terça-feira (28/1)

| Da Redação

(Atualizado em 28/1/220, às 11h45) 

 
Com a suspensão da divulgação dos resultados do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) pela Justiça, diversas universidades anunciaram que também vão suspender a divulgação dos resultados de seus processos seletivos. 


Segundo cronograma do Ministério da Educação (MEC), o Sisu deveria ser divulgado nesta terça-feira (28/1). No entanto, na última sexta-feira, a 8.ª Vara Cível Federal de São Paulo acatou pedido de liminar e determinou a suspensão do processo do Sisu 2020 e a revisão de toda a correção do Enem 2019. A ação foi movida pela Defensoria Pública da União. A Advocacia Geral da União (AGU) recorreu da decisão, mas teve o pedido negado.
 

Até a tarde desta segunda-feira (27/1) a divulgação do resultado do Sisu estava suspensa. 

 

O adiamento da divulgação do Sisu 2020 também afeta o cronograma do Programa Universidade para Todos (ProUni) e Financiamento Estudantil (Fies), que também usam a nota do Enem para selecionar beneficiários. O MEC liberou a consulta de vagas disponíveis no ProUni, que deveria abrir na terça (28/1) no site do programa


Segundo informou o G1, com base em levantamento da AGU, existem pelo menos 24 ações judiciais questionando a correção do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A nota no Enem é a porta de entrada para 128 universidades e instituições públicas de ensino superior (inclusive todas as federais) por meio do Sisu. O Sisu oferece mais de 237 mil vagas para o primeiro semestre de 2020.  

  


Com a suspensão do resultado do Sisu 2020, cronograma do ProUni e do Fies também é afetado
 


Histórico 

No dia 18 de janeiro, um dia depois da divulgação das notas individuais, o MEC admitiu inconsistência na nota de alguns candidatos, após estudantes terem publicado nas redes sociais que perceberam divergência entre o número de acertos e as notas. Leia mais aqui.  


Depois disso, o MEC afirmou ter revisado todas as notas e encontrado inconsistência em 5.974 provas. Além disso, o prazo de inscrição no Sisu foi ampliado em dois dias, até domingo, 26 de janeiro.    


 Segundo o MEC, o Sisu 2020 teve 1.795.211 inscritos e 3.458.358 inscrições (cada candidato pode escolher dois cursos).


Confira algumas universidades que adiaram a divulgação do resultado de seus processos seletivos:  


Universidade Federal de São Paulo (Unifesp): cancelou a divulgação do resultado do Vestibular Misto 2020 até a definição sobre as notas do Enem.  


Universidade Federal do Pará (UFPA): informou que só divulgará o resultado do Processo Seletivo 2020 quando houve definição sobre as notas do Enem.  


Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC): informou que o cronograma do processo seletivo de vagas suplementares para estudantes negros que fizeram as provas do Enem de 2017 a 2019 também está suspenso.

Comentários

"O site não se responsabiliza pela opinião dos autores. Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do ACidade ON. Serão vetados os comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. ACidade ON poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios deste aviso."

Facebook