Noticias

28 candidatos de 2,7 mil tiraram nota mil na redação do Enem

Redação foi a prova com maior nota média geral, 588,74 pontos, de acordo com informações divulgadas pelo Inep

| Da Redação

Acesso à Página do Participante foi marcada por instabilidade e candidatos tiveram dificuldade para acessar as notas
  

Somente 28 dos cerca de 2,7 milhões que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 tiraram a nota máxima na redação 1.000 pontos. Em contrapartida 87.567 zeraram nesta prova. A redação foi a prova com maior média geral: 588,74 pontos. Nas provas objetivas, a maior média geral foi em Linguagens (523,98). 


Matemática e suas tecnologias ficou com a média geral em 520, 73, seguida de ciências humanas e suas tecnologias com 511,64 e ciências da natureza e suas tecnologias 490,39.  


Esses dados fazem parte do balanço divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), responsável pelo Enem, nesta terça-feira (30/3).  


Ontem, a partir das 18h, foram divulgadas as notas individuais, necessárias para os estudantes participaram do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que é o meio de ingresso nas universidades federais e em outras instituições públicas de ensino superior. A nota do Enem também é aceita pela maior parte das instituições privadas.  O Sisu vai abrir no dia 6 de abril.


Problemas de acesso  

Diversos candidatos tiveram problema para acessar seus boletins na Página do Participante na noite de ontem e durante a manhã de terça-feira. Segundo o Inep, houve lentidão do sistema, mas o problema teria sido solucionado por volta das 9h30 desta terça. Apesar disso, estudantes continuaram a reportar problemas nas redes sociais. 


Este é um dos problemas que marcaram a edição 2020 do Enem. O exame, que normalmente é realizado em novembro, acabou acontecendo em janeiro e fevereiro por causa da pandemia de Covid-19.  


Além disso, a taxa de abstenção foi a maior da história do exame, desde 2009. No total, foram 5.893.369 inscritos. Desses, 2.795.369 compareceram aos dois dias de prova ou a pelo menos um dia, e 3.029.391 compareceram a nenhum dia de aplicação.  


Do total de inscritos, 5.523.036 estudantes se inscreveram para o Enem 2020 versão impressa, em que 48,4% compareceram a aplicação e 51,6% faltaram.  


O Enem digital teve 93.079 inscritos, com 31,5% de presença e 68,5% de ausência. Já no Exame Nacional do Ensino Médio para adultos privados de liberdade e jovens sob medida socioeducativa que inclua privação de liberdade (Enem PPL), dos 41.864 inscritos, 74,1% participaram da aplicação e 25,9% não fizeram o exame.