Noticias

Abertas as inscrições para o Enem 2019; taxa custa R$ 85

Sistema permanecerá aberto até as 23h59 do dia 17 de maio; candidatos que obtiveram isenção da taxa também devem se inscrever

| Da Redação

Nesta segunda-feira, 6/5, às 10h, começam as inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. O sistema permanecerá aberto até as 23h59 do dia 17/5 (sexta-feira).  


Para fazer a inscrição, basta acessar o Sistema Enem. Atenção: mesmo quem obteve isenção da taxa deve se inscrever. Para os pagantes, a taxa de inscrição é de R$ 85 e deve ser paga até 23 de maio.  


De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), este ano o sistema está mais interativo e apresenta novidades: quem desejar pode incluir no cadastro o nome do pai e uma fotografia.  


Enquanto o sistema permanecer aberto (ou seja, até 17/5), os candidatos podem acessar o seu próprio cadastro e fazer alterações - por exemplo: município onde vai fazer a prova, opção de língua estrangeira e tipo de atendimento especializado e/ou específico para quem necessitar (pessoas com deficiência ou necessidades especiais).  


Quem tiver dúvidas, pode entrar em contato com o Inep pelo telefone 0800-616161.  


O Enem é um exame que avalia a o desempenho do aluno ao final da educação básica. E é o principal meio de ingresso no ensino superior no Brasil, aceito por diversas instituições de ensino superior públicas e privadas como único meio de ingresso ou como parte do processo seletivo. Todas as universidades federais e várias estaduais, como a Universidade de São Paulo (USP) e Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), aceitam o Enem.  


O Enem 2019 ocorrerá em 1.727 municípios, nos dias 3 e 10 de novembro (domingos). No primeiro dia, serão realizadas as provas de ciências humanas, linguagens e a redação com duração de cinco horas e meia. No segundo dia, serão as provas de ciências da natureza e matemática com duração de cinco horas.  

O diretor pedagógico do colégio Oficina, Antunes Rafael, alerta os estudantes a ficarem atentos ao prazo de inscrição. "O período é curto, então é preciso ficar atento".  

Expectativas 

Segundo Rafael, apesar das incertezas que surgiram em torno do Enem 2019, por causa da troca da gráfica responsável pela impressão do Enem, já que a empresa que prestava o serviço até o ano passado pediu falência, o Ministério da Educação (MEC) garante que o Enem 2019 acontecerá normalmente.  

 

O diretor pedagógico do colégio Oficina do Estudante, Antunes Rafael

No entanto, baseando-se em recentes declarações do ministro da Educação, Abraham Weintraub, Rafael prevê que, talvez, as questões sejam um pouco diferentes das do ano passado em termos da abordagem do conteúdo. 

 

"A prova do ano passado foi muito inclusiva, abordou temas atuais e ligados à diversidade de religião, de ordem sexual. Este ano, pode ser que este tipo de questão não apareça na prova. Mas, de maneira geral, a prova está estruturada para acontecer no mesmo formato de 2018, será realizada em dois dias e manterá a mesma divisão entre as áreas do conhecimento", analisa o professor Rafael.  

 

Em recente live no Facebook, o ministro Weintraub recomendou que os candidatos "foquem mais na técnica de escrever, interpretação de texto, foquem muito em matemática, ciências"  


Confira no vídeo a seguir o tutorial do Inep sobre as inscrições no Enem 2019: