Noticias

Unicamp divulga resultado do Vestibular Indígena 2019

Ao todo, 68 candidatos de 23 etnias diferentes foram aprovados, a maior parte de São Gabriel da Cachoeira (AM)

| Da Redação

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) antecipou a divulgação da lista de aprovados no Vestibular Indígena 2019, inicialmente prevista para 29 de janeiro: na lista divulgada hoje (8/1) há 68 estudantes de 23 etnias diferentes a maior parte Baré, Tukano e Baniwa. A maioria dos aprovados é do Amazonas, sendo 36 estudantes de São Gabriel da Cachoeira e 11 de Manaus.  

Ao todo, 354 indígenas fizeram a prova do vestibular, aplicada no dia 2 de dezembro em cinco cidades do país: Campinas (SP), Dourados (MS), Manaus (AM), Recife (PE) e São Gabriel da Cachoeira (AM).  

A Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest) antecipou a divulgação para que os aprovados possam se organizar para vir para a universidade.  

A matrícula da primeira chamada deverá ser realizada na página da Comvest na internet www.comvest.unicamp.br, no dia 4 de fevereiro, das 8 às 18 horas. A Comvest está divulgando, também, uma lista de espera, com os nomes dos candidatos aptos a serem convocados, em ordem de classificação, caso haja desistências na matrícula.  

Se houver vagas, a Comvest irá divulgar a segunda chamada no dia 6 de fevereiro, para matrícula no dia 11 de fevereiro, pela internet, das 8 às 18 horas.  

A terceira chamada será divulgada dia 13 de fevereiro, para matrícula, pela internet, no dia 18 de fevereiro (das 8 às 18 horas).  

IMPORTANTE: todos os candidatos que realizarem a matrícula eletrônica decorrente das três primeiras chamadas deverão obrigatoriamente estar na Unicamp, no campus de Campinas, para fazer a confirmação de matrícula presencial no dia 20 de fevereiro, das 9 às 12 horas. Aqueles que não confirmarem a matrícula ficam excluídos do Vestibular Indígena 2019 e serão realizadas novas chamadas para o preenchimento das vagas em aberto.  

Veja como foi o Vestibular Indígena no especial Diário de São Gabriel, publicado no Jornal da Unicamp, e na reportagem, a seguir, da  TV Unicamp: 


(Com informações da Comvest)