Intercâmbio

O salário de um médico é mesmo tão bom quanto dizem?

Levantamentos revelam grande variação salarial para os profissionais, inclusive para residentes

| Da Redação

Um dos motivos que torna Medicina um dos cursos mais atrativos (e, por isso, concorridos) é a remuneração dos profissionais, quando ingressam no mercado de trabalho. Mas um médico ganha bem mesmo?
 


Em 2018, a Federação Nacional dos Médicos (Fenam) para uma jornada de 20 horas semanais. No entanto, a realidade não corresponde necessariamente ao valor estabelecido pela Federação, que é usado como referência para as negociações salariais.

 

Segundo levantamento do site salario.com.br, com base nos dados do Cadastro Geral de Empregados e DesempregadosCaged, do Ministério do Trabalho, um médico clínico geral ganha R$ 7.176,27 em média para uma jornada de 23 horas por semana. A pesquisa considerou 14.391 salários, no período de outubro de 2018 a maio de 2019.

 

O estudo revela ainda grande discrepância salarial, dependendo da localidade. No município de São Paulo, o salário médio de um médico é de R$ 9.053,75. Em Campinas, a média é de R$ 6.964,82.
 


Outro estudo, realizado pelo site de empregos Catho, aponta que a média salarial de um clínico geral é de R$ 6.617,00. O levantamento indica variação da remuneração conforme a especialidade um pediatra, por exemplo, recebe em médica, R$ 7.338,00.


Um detalhe importante é que os médicos costumam trabalhar em vários locais diferentes, o que aumenta a remuneração.
 

Com os residentes, médicos em início em carreira, também é assim: são muitas as oportunidades de trabalho, mas o valor pago oscila bastante - depende do tipo de trabalho, de empresa, da região da cidade como mostram Bianca e Fábio, do vlog Mediários, no vídeo a seguir: