Noticias

Abertas as inscrições para o Vestibular 2022 da Unicamp

Interessados podem ser inscrever até 8 de setembro; por causa das dificuldades enfrentadas pelos estudantes no ensino remoto, provas serão alteradas

| Da Redação

As inscrições para o Vestibular 2022 da Unicamp devem ser feitas no site da Comvest
 

 

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) abriu nesta segunda-feira (2/8), as inscrições para o Vestibular 2022. Os interessados podem se inscrever no site da Comissão Permanente para os Vestibulares (Comvest) até 8 de setembro clicando aqui


A Unicamp está oferecendo 2.450 vagas no Vestibular 2022. 


A taxa de inscrição custa R$ 180 e pode ser paga até 10 de setembro.  


Quem tiver dificuldade para arcar com este valor pode solicitar redução de 50% do valor da taxa nos dias 4 a 6 de agosto. O pedido pode ser feito no site da Comvest.  


A Unicamp já concedeu isenção da taxa de inscrição para cerca de 8,3 mil estudantes. Leia mais nesta matéria do Virando Bixo.  


O Vestibular 2022 terá mudanças em relação à edição do ano passado: na primeira fase serão 72 questões de múltipla escolha das disciplinas do ensino médio ou seja, não haverá questões interdisciplinares.  


Outra mudança será a prova de matemática da segunda fase, para a área de humanas como estratégia de manter o engajamento desses candidatos. No Vestibular 2021, houve queda das notas de matemática, provavelmente por causa das dificuldades enfrentadas pelos estudantes para se preparar.  


Essas alterações têm o objetivo de adequar a prova ao cenário de pandemia, no qual muitos estudantes não estão tendo acesso ao ensino remoto, por dificuldade de conexão, ou estão tendo dificuldade de acompanhar as aulas e sustentar o aprendizado, explica o diretor da Comvest, José Alves Filho.  


"Temos feito contatos com técnicos da secretaria estadual de educação de São Paulo que relatam um cenário de desmobilização e fadiga dos estudantes no ensino remoto. As aulas presenciais estão sendo retomadas em agosto, mas ainda não sabemos qual será o impacto na recuperação da aprendizagem", detalha Alves Filho.  


Segundo ele, a redução do número de inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e a queda de solicitações de isenção da taxa de inscrição no Vestibular 2022 da Unicamp são indicações desse cenário de desmobilização. O número de solicitações concedidas, porém, não foi menor do que em anos anteriores.  


No entanto, a aposta, ressalta Alves Filho, é no futuro desses estudantes num contexto de pós-pandemia. "Os ingressantes em 2022 deverão vivenciar um cenário de transição e pós-pandemia. Nosso desafio é fazer uma prova que se adapte ao que estamos vivendo, além de sustentar o engajamento dos estudantes, dos professores e escolas".  


Nesse sentido, a Comvest vai realizar atividades online para orientar e ajudar os estudantes na preparação para a prova, além de sustentar o enajamento. Um exemplo são as lives literárias, sobre as obras de leitura obrigatória para o Vestibular Unicamp 2022.  


O diretor da Comvest também anunciou que haverá processo seletivo via Enem com 639 vagas e que as provas serão realizadas em 33 cidades do estado de São Paulo, além de Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Fortaleza e Salvador.