Enem 2017 já tem pelo menos 6,1 milhões de inscrições confirmadas

Instituto está analisando 1,4 milhão de pedidos de isenção da taxa de inscrição

    • Virando Bixo
    • /
    • Virando Bixo

Balanço divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) aponta 7.603.290 inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017.

Desse toftal, 6.135.418 foram confirmadas – mas esse número pode aumentar, à medida que forem analisados todos os recursos administrativos de candidatos que pediram a isenção da taxa de inscrição, mas se enganaram ao justificar o pedido. Ou seja, o Inep está analisando cerca de 1,4 milhão de inscrições, cujo pedido de isenção precisa ser confirmado (leia mais abaixo).

O Inep esperava 7,5 milhões de inscrições no Enem 2017. O número é menor do que no ano passado, porque o Enem deixou de fornecer certificação para o ensino médio – a partir deste ano, a certificação será feita por meio do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), que será aplicado no segundo semestre.

Inscritos por UF

São Paulo é estado com o maior número de participantes confirmados: 1.045.445. Minas Gerais vem em seguida com 660.797. Outros estados que se destacam em número de inscrições são: Bahia (425.562), Rio de Janeiro (407.221), Pernambuco (343.345), Ceará (341.393) e Pará (321.367).

O Sudeste responde por 36% das inscrições confirmadas. O Nordeste tem 33%; o Norte, 12%; o Sul, 11% e o Centro-Oeste, 8%.

Perfil dos inscritos

A maioria dos inscritos confirmados para o Enem 2017 já concluiu o ensino médio: 59,3% do total.

Os concluintes em 2017 representam 31,9% dos inscritos. Os estudantes que concluirão o ensino médio depois de 2017 são 7,8% do total. Apenas 0,9% não está cursando e não concluiu o ensino médio.

Em relação a 2016, aumentou o número de participantes concluintes, que passou de 20,4% para 31,9%; e diminuiu o número de treineiros: 15,7% dos participantes de 2016.

As mulheres são maioria: 58,6%. Os participantes do sexo masculino representam 41,4%.

Em relação à cor/raça; 46,5% se autodeclararam pardos; 35,9%, brancos e 12,8%, pretos. Indígenas são 0,6% dos participantes confirmados em 2017.

Perfil das isenções

O Enem concedeu isenção da taxa de inscrição em três casos:

- A isenção é automática para quem conclui o ensino médio em escola pública no ano do exame.

-  Pela Lei 12.799/2013 (família deve ter renda per capta igual ou menor que um salário mínimo e meio). O participante deve ter cursado todo o ensino médio em escola pública ou como bolsista integral em escola privada.

- Pelo Decreto 6.135/2007 (famílias que recebem até três salários mínimos ou até meio salário mínimo per capta, além de estar inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal - CadÚnico).

Das 6.135.418 inscrições confirmadas, 15% tiveram isenção por meio do Decreto; 28% conseguiram por meio da Lei; 24% tiveram a gratuidade automática por serem concluintes do ensino médio na rede pública em 2017. Do total de inscritos, 33% são pagantes.  No Enem 2016, 23% dos participantes eram pagante.

Confirmação da isenção

De acordo com o Inep, ao pedir a isenção, alguns candidatos se confundiram ao identificar a lei que embasava o pedido e, por isso, tiveram o pedido de isenção negado. Por isso, a guia de pagamento foi gerada.

Para obter o direito à isenção, esse grupo específico deve enviar os documentos que comprovem seu direito por email.  O email é: isencaoenem@inep.gov.br. O prazo para envio é até as 12h do dia 25 de junho.

O assunto do e-mail deve ser “Recurso Administrativo – Isenção da Taxa de Inscrição do Enem 2017”.
A mensagem deve conter o nome completo, o CPF e o número de inscrição do participante; além do nome completo e o CPF da mãe. A ausência de qualquer uma dessas informações inviabilizará a análise do recurso.

A relação dos documentos aceitos está no portal do Inep e também pode ser obtida por meio do 0800 616161.

Atendimentos

O Enem atenderá 52.270 participantes com atendimento especializado e 8.716 participantes com atendimento específico.

O novo recurso disponibilizado pelo Inep, a vídeo prova traduzida em Língua Brasileira de Sinais (Libras), será oferecido para 1.897 participantes.

O recurso de tradutor-intérprete de línguas, outra opção para os deficientes auditivos e surdos alfabetizados em Libras, teve 1.489 solicitações.

O número de beneficiados com atendimento por nome social só será conhecido após o término das solicitações em 4 de junho.

Hotsite e aplicativo
 



Comentários

Confira também